Um Natal aos quadradinhos, pixelizado, como os primeiros jogos. Um Natal com o sabor aos velhos tempos e o calor de um qualquer cantinho onde finalmente podemos relaxar.

Que este ano nenhuma chaminé seja esquecida e que as estrelas não deixem de brilhar.

Um feliz Natal a todos!