Muitos de nós crescemos com os jogos do Super Mario. Parece que foi ontem, mas o primeiro destes jogos surgiu há 30 anos! E foi para celebrar este 30º aniversário que a Nintendo lançou um desafio a quatro start-ups portuguesas de videojogos.

É com alguma vergonha que confesso que não imaginava que havia mais do que uma ou duas empresas nacionais nesta área. E só por revelar que este é um mercado em expansão em Portugal e mostrar que havia pelo menos quatro start-ups em plena atividade, a iniciativa já valeu. Mas, melhor ainda, o desafio da Nintendo levou a que estes criativos mostrassem um pouquinho do espírito do que desenvolvem nos seus estúdios.

Fizeram-no na apresentação nacional do Super Mario Maker, para Wii U. Este é um novo jogo, onde todos os utilizadores podem explorar a sua criatividade ao construir os seus próprios níveis e partilhá-los. Tudo de forma muito fácil e intuitiva. E esta promete ser uma nova febre pois em todo o mundo, só na primeira semana do seu lançamento, mais de um milhão de níveis criados pelos utilizadores foram partilhados.

Mario30th_logo_RGB

O JOGO E OS NÍVEIS

Na apresentação do jogo, David Amador (Upfall Studios), Diogo Vasconcelos (Nerd Monkeys), Wilson Almeida (Bica Studios) e Rogério Ribeiro (GameStudio 78) contaram um pouco da sua experiência enquanto gamers e o que os levou a aceitar o desafio da Nintendo. Todos recordam-se de encarnar vezes sem conta o canalizador bigodudo quando passavam horas e horas a jogar nos seus Game Boys e nas consolas de casa. E sentiram a responsabilidade de serem os primeiros portugueses a criar níveis no Super Mario Maker.

O resultado foi divertido e pudemos experimentá-los com os developers mesmo ao pé, a dar pistas e explicar detalhes.

A grade maioria optou por construir níveis sombrios e com alguma dificuldade. Mas explicaram: “Podem ser difíceis, mas todos são possíveis de ser ultrapassados. Não é possível dar por encerrado um nível sem que o consigamos passar. O programa não aceita.”

O QUE DISSERAM

Wilson Almeida (ica StudiosWilson Almeida, Bica Studios

“Recordo-me de jogar Super Mario Land 2 no Game Boy e de achar fascinante como todo aquele universo cabia apenas num pequeno cartucho. Para mim, a essência dos jogos Mario reside na simplicidade e acessibilidade, características resultantes de horas de trabalho e afinação dignas de uma verdadeira obra de arte. Valores que assimilei a jogar e que agora aplico enquanto game designer.

O Super Mario Maker é uma poderosa ferramenta de ‘level design’ disfarçada de jogo, ao alcance de toda a gente. Sem dúvida alguma, irá ser o ponto de partida para futuros criadores de jogos. Vou mais longe e afirmo que deveria ser algo utilizado em cursos de game design”. 

BICA STUDIOS é um novo e energético estúdio de desenvolvimento de videojogos. Smash Time é o seu primeiro projeto e está disponivel gratuitamente nas lojas digitais App Store, GooglePlay, Windows Phone e Aptoide.

Este slideshow necessita de JavaScript.

 

David Amador Upfall StudiosDavid Amador, Upfall Studios

“Os jogos do Super Mario são algo que tive a felicidade de ter acesso cedo e marcou a minha infância. Lembro-me perfeitamente quando um dia a minha mãe trouxe para casa uma Super Nintendo. O Super Mario World foi algo que joguei durante meses, ainda hoje em dia o faço. A facilidade de pegar no comando, jogar e obter diversão é sinônimo destes jogos. O Mario e outros jogos da Nintendo, no geral, foi o que me levou a pensar: ‘É isto que quero fazer da minha vida’.

Enquanto developer já tive a oportunidade de testar diversas ferramentas, e fiquei fascinado com a facilidade de utilização do Super Mario Maker. Rapidamente alterna-se entre criar e testar os níveis. Isto é uma forma muito simples de aspirantes a developers, e não só, criarem os seus próprios ‘jogos’ e darem asas à sua parte criativa sem qualquer impedimento por não terem algum conhecimento técnico. É só pegar, criar e jogar.”

UPFALL STUDIOS é um estúdio independente de desenvolvimento de jogos. Colabora com outros profisionais de todo o mundo a criar jogos divertidos com toque especial. Recentemente, lançou o jogo Quest of Dungeons para a loja digital Steam e para a Xbox One.

Este slideshow necessita de JavaScript.

 

Rogério Ribeiro GameStudio 78Rogério Ribeiro, GameStudio 78

“Um dia mostraram-me uma calculadora científica de 256 kb. ‘Ui, tem mais memória que o meu primeiro computador! Dá para fazer o quê?’, exclamei. ‘Dá para jogar o Mario.’ responderam-me. ‘É o que interessa’, disse eu…

Enquanto ferramenta educativa, o Super Mario Maker compreende a aprendizagem a um nível fundamental: torna-a interessante e divertida, sem tentar impor. Tendo por base uma das personagens mais adoradas de sempre, oferece uma quantidade incrível de possibilidades e escolhas, e deixam o usufruto a cargo de quem o joga. Os próprios jogadores são responsáveis pela sua aprendizagem.”

GAMESTUDIO 78 nasceu no Porto, em 2013. Hoje é composta por nove profissionais que trabalham arduamente na criação de videojogos, com afinco e dedicação.

Este slideshow necessita de JavaScript.

 

okDiogo-Vasconcelos-Nerd-MoDiogo Vasconcelos, Nerd Monkeys

“O Super Mario é a prova de que uma personagem de um videojogo pode nascer, viver e, eventualmente daqui a muitos e longos anos, reformar-se com dignidade e, ao mesmo tempo, deixar para trás um legado enorme de videojogos brilhantes e inovadores.

Já o Super Mario Maker, trata-se do melhor editor de videojogos desde que o Unreal Editor foi lançado em 1998.”

NERD MONKEYS é uma jovem produtora de videojogos sediada em Lisboa e Londres. Em apenas 2 anos destacou-se no mercado internacional com o lançamento do original Inspector Zé e Robot Palhaço em Crime no Hotel Lisboa, e com a organização anual do Banana Jam em Portugal.

Este slideshow necessita de JavaScript.

WiiU_SuperMarioMaker_illust